NOVAS TÉCNICAS DE PRODUÇÃO COM GARRAFAS PET

OBJETIVO

Mostrar para pequenos e até médios produtores da região do agreste na cidade de Arapiraca, técnica de produção consorciada com bom modo de ajudar o meio ambiente.

APRESENTAÇÃO

Devido o grande número de garrafas pet´s jogadas na natureza, gerou um interesse aos componentes desse grupo em tentar descobrir no meio agrícola formas de utilização de tal material para melhorar a vida de pessoas que vivem através da agricultura familiar e até empresas de porte médio e deseja diminuir seus custos e/ou até mesmo ajudar a proteger o meio ambiente. Outro interesse é proporcionar para pessoas que moram em apartamentos ou até quem não tem espaço em sua residência, o prazer de possuir seu jardim ou até mesmo uma horta vertical. Mostrar aos micro agricultores formas de irrigação alternativa, para o aumento de sua produção e consequentemente de sua renda, pois o maior interesse deste projeto é diminuir o custos para o produtor, usando materiais desperdiçando por muitos.

OBJETIVOS ESTRATÉGICOS

  • Mostrar o uso de garrafas pet em hortas, desde a produção de mudas; suporte para canteiros (como mini-cerca); irrigação em diversas formas; e muitas outras práticas.
  • Usar técnicas de irrigação com o pet, como: Aspersão suspensa, aspersão fixa, gotejamento simples, gotejamento com equipo, além de possibilitar a construção do carneiro hidráulico.
  • Técnicas de produção sem o uso da terra, chamada de hidroponia. Existem vários materiais para composição desta prática, neste caso iremos usar defender o uso da garrafa pet. Será apresentada duas formas de hidroponia: A semi caseira ou semi-suspensa e a caseira, que pode ser vertical ou horizontal.
  • Produção de mudas em geral, como: Ornamentais > Roseiras, papolas, palmeiras ornamentais, orquídeas, helicônias, hexórias, pingo-de-ouro, etc. Fruteiras > Morango, laranja, manga, caju, goiaba, acerola, e muitos outros.

USO DE GARRAFAS PET NA IMPLANTAÇÃO DE HORTAS

Na cidade de Arapiraca, região agreste do estado de Alagoas, tem-se crescido a quantidade de projetos proporcionados por organizações não governamenteais (ONG's) na implantação de hortas, principalmente para pequenos produtores como forma de melhorar a resda familiar. Muitos são os agricultores que estão trocando o plantio de fumo(cultura predominante na região) pela implantações de hortas semi-comerciais. A maioria dos produtores entusiasmados com a desenvolvimento das culturas regionais tais como: Alface, coentro, couve, pimentão, cenoura etc, estão a cada dia mais tentando melhorar sua produção.
Mas para que isso aconteça será preciso que sejam descoberta novas técnicas de produção e que sejam econômicas. O uso de garrafas pet reduziria significativamente curstos com suporte laterais para os canteiros. Esta simples prática reduziria a prática constante de renovação de canteiros, o gasto com produtos muito caros como madeira, cimento, blocos além de ajudar ao meio ambiente.

1441-Divulgação-.jpg
brasão.JPG
link
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License